sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

nada a declarar

porque continuamos sem sair de casa (exceptuam-se as saídas para consultas ou exames!)

Cá continuamos, na nossa vidinha desinteressante de sempre.
Não valerá a pena descrever os dias passados a fazer aerossóis com oxigénio + cinesioterapia respiratória... avaliar se pode ou não fazer um esforço e ir para o standing-frame... ou brincar de outra qualquer forma que o faça ficar demasiado cansado e descompensar... lidar com as birras de menino mimado que passa demasiado tempo sozinho com a mãe, que acaba por lhe fazer as vontades quase todas.

Sim, faço. E depois?!?
Já basta o tempo que é dispendido em formas de atenuar a insuficiência respiratória, que nos ocupa a maior parte útil do dia.

Não sobra muita energia para coisas interessantes ou com outro tipo de importância (infelizmente).

Ah! Outra má notícia: o Max (o nosso querido cão) também "partiu"...

5 comentários:

Dina disse...

Olá, olá

Desejamos rápidas melhoras.

Eu costume dizer que tenho 41 anos e que gosto de ser mimada.

Para os nossos filhotes só queremos o melhor, que se sintam alegres e felizes, se para isso temos que fazer as vontades (quase) todas, porque não?

Por isso VIVA O MIMO!!!!

Muitos beijinhos e um abracinho muito, muito apertado para o João.

ClaudiaMG disse...

Só posso desejar as rápidas melhoras e que consigam aproveitar este tempo em casa da melhor da maneira.

Um beijinho muito grande

Xu disse...

Fico mt triste com a partida do Max, de verdade e sabes q sim!

Por ai so espero as melhoras!

HOJE VI-VOS NA TV .... heheheheh MAIS UMA VEZ MUUUUUUUUUUUITO BEEEEEM ... heheheheh

Qq dia ... teem o vosso proprio programa! E pq nao?

Beijokas enoooooooooooormes!!

Nala disse...

Não sei o que sentirás nestes momentos, mas compreendo muito bem as tuas palavras, o teu sofrimento, a tua revolta...
Compreendo mesmo!
O meu desejo é que tu e o Principezinho fiquem bem, dentro do que é possível.
Não percas a esperança. Hj é um dia mau, mas haverá sempre pelo menos um dia bom. Agarra-te a esses, com toda a força positiva que consigas ter.
Um abraço muito forte

Dinis disse...

Nunca ninguém sofreu por mimos a mais, mas sim pela falta deles!!!
Um grande beijinho deste teu amiguinho.
Um Ano Novo de 2010 muito Feliz