sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Uma semana de escola

Depois de faltar uma semana e meia por causa da infecção respiratória, lá voltou à escola...
Estava cheio de saudades de toda a gente, principalmente da namorada! Sim, o Principezinho já é um rapaz comprometido desde o 2º dia de aulas. E desta vez é recíproco!
Passou a semana a "dizer" a toda a gente «gosto muito de ti», «adoro-te», «quero dar-te beijinhos» (mas se a Mariana souber... ai, ai...). Apesar destas declarações, assumiu o namoro. Na UTAAC escreveu mesmo que já tem uma namorada que se chama Mariana.
*
Já teve oportunidade de apresentar um trabalhinho sobre a alimentação à turma e também sobre as castanhas, de onde vêm as castanhas, com provas e tudo! Pedimos ajuda à tia Céu que nos trouxe de Resende umas castanhas lindas e ainda em ouriço, para os meninos ficarem a saber de onde vêm as castanhas que comemos e que são típicas do Outono.
*
Hoje (depois de uns "diz-que-me-disse-está-tudo-tratado", que afinal não o estava) fomos buscar a cadeira sanitária à escola do ano passado, para ele começar a utilizar lá, já que está motivado para (finalmente) fazer o treino sanitário. O ano passado não correu nada bem no ambiente escolar, de tal forma que até começou a recusar o uso cá em casa, mas agora que já voltou a utilizar a cadeira sanitária em casa confio que na escola também corra bem. Aliás, ontem disse que queria deixar as fraldas e usar cuecas. Volto a ficar com esperanças que ele use as cuecas que tem guardadas na gaveta por estrear.
*
Notamos algumas diferenças significativas no ambiente escolar que nos agradam muito e nos fazem afirmar "bendita a hora que pedimos a transferência"!
É certo (e espero não me enganar) que ainda só temos um mês para fazer esta avaliação, mas não fomos só nós que notámos diferença no João...
*
O ritmo semanal é demasiado exigente tendo em conta a sua condição física. Apesar de não fazer o horário escolar completo (a turma dele tem um horário absurdo, demasiado exigente para crianças saudáveis de 5/6 anos de idade, quanto mais crianças com necessidades especiais), a piscina, a fisioterapia e a UTAAC, todas estas actividades 2 vezes por semana é realmente muito para ele. Temos que considerar algumas coisas nos próximos dias porque ele não aguenta. Infelizmente.
*
A nível pulmonar a avaliação não é tão positiva pois, apesar de ter tido alta médica, continua com muitos períodos de broncoespasmos e voltou a necessitar de broncodilatadores.
Hoje mesmo fui buscá-lo mais cedo à escola porque teve uma baixa de saturação O2 razoável...
*
Esperamos que o fim de semana corra bem e que ele consiga descansar para voltar à escola!

6 comentários:

Anónimo disse...

Mae Sisa,
Fico feliz por tudo estar melhor. A mudanca de escola mtas vezes funciona como um estimulo até, e é preciso confiar e ter esperança que há pessoas boas e empenhadas.
Mil bjs,
Alexandra

Mina disse...

Um dia de cada vez, não se pode exigir mais...
Boas notícias da escola e da adaptação...
Bjinhos e bom fim de semana, esperemos que as alterações climáticas não façam das suas;)

Grilinha disse...

Mãe Sisa....fazemos tanta, tanta força para que as coisas assim continuem !!!
É uma sensação boa quando sentimos que estamos a entrar numa sintonia com tudo, escola, professores, etc.

E é tão difícil chegar lá !

Principezinho, tu mantém-te forte querido. Arranjaste uma namorada...esperto ! O JP não arranja namorada. Só gosta dela mais velhas, imagina ..e essas estão todas comprometidas.
Pois, tu sabes, ele anda sempre a "piscar" o olho à tua mamã, eheh...é maluco ! Enfim...

Tudo a correr bem. tenho novidades boas para vocês também ! Deixei recado no FB ! Vão lá ver, ou falem com a A. da utaac.
O ano lectivo vai entrar nos eixos, se Deus quiser ! Beijinhos

ClaudiaMG disse...

Mãe Sisa, fico feliz por tudo estar a correr bem com a nova Escola do Principezinho. Infelizmente os nossos meninos têm tantas terapias que por vezes temos de reconsiderar efectivamente o que é mais importante. Eu cada vez mais ando a aperceber-me da mesma situação e para o ano com a entrada na primária não haverá tempo para fazer todas as terapias que temos este ano.
Assim, nada como o teu coração para decidir o que é melhor para o Joãozinho. E claro que as tuas decisões serão as acertadas.

Beijinhos grandes e fazemos figas para que o rapaz seja forte e este mau tempo que aí se avizinha não tenha nenhuma influência nele.

Marylight disse...

Olá Mãe Sisa!

Pela experiência que tenho com o Tiago só posso dizer maravilhas da escola e de todo o pessoal. A prof de ensino especial dos nossos meninos, a prof T*, já acompanha o Tiago há 5 anos e tem sido incansável. É uma pessoa que luta pelos direitos dos nossos meninos especiais, veste mesmo a camisola pela causa, hoje em dia é uma raridade...Quando nos propôs em mudarmos para a nova escola e fazer parte do projeto da Unidade Multideficiência, fiquei um pouco apreensiva e tive muito receio da mudança. Mas todos achámos que tudo ia correr bem. No inicio não correu como esperávamos,a adpatação foi um bocado dificil devido ao ritmo intenso. O dia de componente lectiva, as terpaias, o que vale é que as técnicas vão à escola o trabalho desenvolvido da prof R* e T* e ainda a auxiliar a puxar muito por ele. Posso dizer que só no 2º período é que se viu que ele estava mais adapatado.

Acho que a sua opinião em relação às pessoas e à própria escola (que tem todas as condições) não vai mudar. Os nossos meninos estão bem entregues!

Beijinhos e continuação das melhores do príncipe!

Piquenina disse...

Gosto de saber que estão a sentir que é esse o caminho!
All the best.
Vou começar a procurar cuecas giras ;)